02/04/2019 10:21

Voluntários do Projeto Pescar e alunos da turma 2019/1 se reúnem pela primeira vez

Início da galeria de imagens.
Foto da reunião, em ângulo aberto, mostrando voluntários e alunos.
Fim da galeria de imagens.
Início do corpo da notícia.

A turma 2019/1 da Unidade Jurídico-Trabalhista do Projeto Pescar, que iniciou as aulas no Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT-RS) em meados de fevereiro, teve nessa segunda-feira (01/04) sua primeira atividade oficial com voluntários do projeto. Os estudantes se reuniram com cinco servidores da Justiça do Trabalho que atuam há pelo menos um ano no Pescar, os quais compartilharam com a turma suas impressões sobre o voluntariado e sobre o próprio projeto.

A reunião ocorreu na Escola Judicial e esteve aberta a todos os voluntários do Pescar, possibilitando uma confraternização com a turma. No primeiro mês de aulas, os alunos estiveram focados em atividades de integração e de familiarização com a estrutura do Judiciário Trabalhista. Durante essas semanas iniciais, foram realizadas visitas a diferentes setores do TRT-RS e aos demais parceiros do Projeto. Também foram ministradas aulas pelo educador responsável, o psicólogo André Cintra, abordando conhecimentos básicos esperados da turma para os módulos seguintes.

Aproximação

Com 42 anos de atuação, a Fundação Projeto Pescar tem como objetivo proporcionar a qualificação profissional e o desenvolvimento pessoal de jovens de 16 a 19 anos em situação de vulnerabilidade social, contribuindo para sua inclusão no mercado de trabalho. A parceria que ela mantém com empresas e organizações, como TRT-RS, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RS), o Ministério Público do Trabalho (MPT4), Caixa de Assistência dos Advogados (CAA/RS) e Escola Superior de Advocacia (ESA), já proporcionou a formação de mais de 30 mil jovens e o atendimento anual de cerca de 2 mil adolescentes em todo o Brasil. O projeto pedagógico do curso de Iniciação Profissional em Serviços Administrativos está baseado na participação de voluntários, visando ao desenvolvimento de competências pessoais e habilidades profissionais.

A confraternização permitiu a troca de experiências entre alunos e voluntários, além de apresentar oficialmente os membros da nova turma. Foram organizadas brincadeiras para que os estudantes falassem sobre suas áreas de interesse e mostrassem algumas de suas qualidades para os voluntários, facilitando a integração. Dos 15 alunos da turma 2019/2, 14 estiveram presentes na reunião, junto com cinco voluntários de diferentes áreas do TRT-RS (Tecnologia da Informação e Comunicação, Área Judiciária, Comunicação e Direção do Foro).

Uma segunda reunião será realizada em nova data para voluntários que não puderam participar da primeira. Embora esta seja uma atividade recomendada para aproximar a turma dos voluntários, é possível se voluntariar sem participar do encontro.

Fim do corpo da notícia.
Fonte: Alvaro Lima (Secom/TRT4)
Tags que marcam a notícia:
horizonte
Fim da listagem de tags.

Últimas Notícias

Capacete branco sob texto tambem em branco: Trabalho Seguro Crianca desenhando arcos verde e amarelos em funco cinza ao lado esquerdo do texto: Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estimulo à Aprendizagem. Texto brando sobre fundo cinza: PJe Processo Judicial Eletronico 3 arcos laranjas convergindo para ponto tambem laranja em canto inferior direito de quadrado branco, seguidos pelo texto: execucao TRABALHISTA mao branca com polegar riste sobre circulo azul ao lado esquerdo do texto: Conciliacao Trabalhista